Os deuses eram alienígenas?

Muitas pessoas creditam aos relatos bíblicos a pecha de meros mitos. Outros, atribuem a eles o papel de controlar mentes. Bem, as duas suposições podem estar certas, além de uma terceira: a de que tratam de fatos históricos reais, foram revestidos com a roupagem mítica e servem eficientemente, assim, ao controle mental das populações.

Afinal, se, em Gênesis [1], os filhos dos deuses (em hebr. Bnai-Elohim) descem dos Céus (em hebr. nephilim, “caídos”) e copulam com as fêmeas humanas, só podemos crer que aqueles eram alienígenas de uma civilização extraterrestre. O que você acha disso?

Ainda na Bíblia, devemos nos lembrar do relato em que Jacó, filho de Isaac e neto de Abraão, tem uma “visão” noturna em que vê “duas escadas”, uma pela qual sobem e outra pela qual descem “anjos” [2]. Então, durante uma noite inteira, Jacó luta com um “anjo” e o vence, recebendo, a partir deste instante, o nome de Israel. Paralelo a esse relato, temos aquele do Chilam Balam, livro sagrado dos maias, em que os “deuses” desceram dos céus através de uma “estrada para as estrelas” [3].

Sabemos, pelos achados históricos, que os relatos iniciais do Gênesis tratam de ecos de culturas de outros povos, que descreveram, em tempos mais recuados que os hebreus, o que viram e receberam como conhecimento dos “deuses”. Em todas, é unânime a crença de que os “deuses” desceram do Céu, criando os protótipos da sub-raça humana atual, legando-nos conhecimentos até então ignorados por aquelas populações. Concomitante a essa criação, os relatos de um cataclisma global, conhecido até hoje pelo nome de Dilúvio, teria suplantado a raça degenerada anterior.

Cabe ressaltar que os hebreus, teoricamente, descendem de um homem caldeu (portanto, um sumério, que deve ter testemunhado o culto aos Anunnaki), chamado Abraão. Os hebreus, nas escrituras sumérias, são denominados habiru (em acádico) ou apiru (em idioma egípcio), palavras plurais que significam, simplesmente, “nômades” [4]. É de supormos que todo o Gênesis seja eco da cosmogonia suméria e, portanto, uma herança dos Anunnaki [5]. Até hoje, portanto, através das três maiores religiões do Mundo, continuamos a adorar alienígenas reptilianos, descidos dos Céus, como sendo os Criadores do Universo.

***

NOTAS:

[1] Gênesis 6, 4ss.

[2] ibid. 32, 24-30.

[3] OLHAR CIENTÍFICO. Civilização Maia e seu contato com os visitantes das Estrelas. Entrada (online). Olhar Científico. Disponível em: < http://goo.gl/D9BSIE >.Postada em: 24 de setembro de 2011. Acesso em: 18 de janeiro de 2016.

[4] Habiru ou Apiru: para mais informações, consultar entrada na Wikipedia em: < https://goo.gl/dngYTz >. Acesso em: 18 de janeiro de 2016.

[5] Em idioma sumério antigo, o distintivo Anunnaki é uma palavra composta pelas partículas Anu, na, Ki. O Céu é chamado Anu, mesmo nome do “Rei do Céu”, o rei da casta reptiliana alegadamente fundadora da civilização suméria, a primeira da História. E Ki é o nome dado ao Mundo, ao planeta Terra. Anun-na-Ki significa “aqueles que desceram do Céu à Terra” (Nota do Editor).

LEITURA RECOMENDADA:

  • REINHOLD, Forrest. Hurrian Hebrews; Ea as Yahweh; The Origins Of The Hebrews & The Lord. Iowa: [S.I.], 2000.
  • WORLD PUBLIC LIBRARY. Apiru. Artigo (online). Disponível em: < http://goo.gl/zmeo1U >. Acesso em: 18 de janeiro de 2016.
Anúncios

Um comentário sobre “Os deuses eram alienígenas?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s